domingo, 3 de dezembro de 2006

barenboim em nova york?


O maestro Lorin Maazel anunciou que vai deixar o posto de diretor da Filarmônica de Nova York ao final da temporada 2008-2009. E disse a uma surpresa imprensa nova-iorquina que gostaria que o maestro Daniel Barenboim fosse seu sucessor. Isto tudo aconteceu no dia 29, quarta-feira. Um dia depois, no dia 30, o New York Times trouxe uma longa entrevista com Barenboim. O tema não poderia ser outro. A pergunta: o sr. aceitaria o posto?; a resposta: "nada poderia estar mais distante dos meus pensamentos atualmente do que a possibilidade de retornar aos Estados Unidos para uma posição permanente". Barenboim deixou em junho, após 15 anos, o posto de diretor artístico da Sinfônica de Chicago. Atualmente, dirige a Ópera Estatal de Berlim, além de comandar a Orquestra do Divã Ocidental-Oriental, que reúne jovens músicos judeus e árabes. Ao "New York Times", fez questão de ressaltar que não foi consultado por Maazel - e nem avisado de que teria seu nome citado pelo colega. Da mesma forma, considerou "uma honra" ser recomendado por um colega para assumir seu posto. O repórter, Mark Lander, deve ter insistido, pois Barenboim emenda: "Ninguém me ofereceu nenhum trabalho ainda, por que eu deveria dizer sim ou não?". Está mais do que certo. Mas Lander especula. Escreve, por exemplo, que nos próximos meses Barenboim fará uma série de apresentações em Nova York, tanto em recitais de piano como à frente de orquestras - coisa rara, segundo ele. E relembra que a situação do maestro em Berlim não é das melhores - há alguns meses, o músico argentino disse estar cansado da falta de verbas que enfrenta na Ópera Estatal, o que tem rendido boas brigas com o governo berlinense. Neste sentido, a declaração de Maazel teria sido um primeiro passo, como que para sondar a comunidade musical da cidade sobre uma possível subida de Barenboim ao pódio da Filarmônica. Vai saber o que se passa na cabeça desses maestros.....

Um comentário:

pedrita disse...

eu li essa notícia. eu vi uma regência do maazel no parque ibirapuera e nunca me esqueci. espero que essa notícia se confirme. beijos, pedrita